segunda-feira, 30 de julho de 2007

Fata Morgana


É o nome em Latin para Morgan le Fay ou Morgana das Fadas como é conhecida na Grã-Bretanha, foi uma sacerdotisa da Ilha Sagrada, como é mais conhecida a Ilha de Avalon, na Bretanha. O nome morgana tem origem celta e quer dizer Mulher que veio do mar. Pode ser escrito Morganna ou Morgan. Algumas lendas baseadas nos contos do Rei Arthur acreditam que Morgana foi sua meia-irmã, uma feiticeira malvada que queria de todas as formas retirar sua espada Excalibur. É um dos personagens mais fortes nas lendas Arthurianas, seja como inimiga, como amiga, amante ou irmã, Morgana encanta, aterroriza e engrandece dando às mulheres uma importante retomada de sua posição forte no culto a Deusa, a base da bruxaria.


E por isso mesmo que esse nome foi designado para uma miragem que ocorre nas águas, para entender a miragem das águas, precisamos antes, entender as miragens que ocorrem na terra. A palavra miragem vem do francês Mirage que significa "ser refletido". As miragens não são alucinações, mas efeitos óticos reais que podem, inclusive, serem fotografados.

Esse efeito ótico ocorre devido a refração que a luz sofre quando muda de um meio para outro. Como quando colocamos uma objeto dentro de um vasilhame de água. A luz no ar, não sofre qualquer inclinação e, portanto vemos a parte externa do objeto sem qualquer deformação. Em compensação, a luz quando em um meio mais denso (água) sofre uma inclinação o que nos faz perceber o objeto mais inclinado dentro do vasilhame.

A lei de Snell diz que: quando um feixe de luz (1) atravessa uma superfície que separa dois meios transparentes mas diferentes (meio A e B), uma parte da luz é refletida e outra é refratada. Quanto mais denso um material, maior o índice de refração. Se o ângulo de incidência for maior que um valor limite, então toda luz é refletida (2).





Em um dia ensolarado o asfalto pode ficar muito quente, com isso o ar que fica próximo ao solo torna-se tão quente quanto o asfalto. Quando o ar fica muito quente ele fica menos denso e o índice de refração diminui à medida que fica próximo do chão. Assim, um raio de luz que se propaga em direção ao chão, em ângulo rasante, será constantemente desviado e refratado "para cima".



Com isso, quem vem pela pista e no sentido contrário vê um outro carro, tem a impressão que o chão está molhado e espelhando a imagem do carro. Por quê o cerebro humano sempre imagina que a luz caminha em linha reta quando na verdade a luz está fazendo um caminho curvo. Afinal, como podemos ter a impressão de haver uma poça de água no chão se o asfalto está fervendo?


E é justamente a diferença de densidade entre camadas de ar com temperaturas diferentes que fazem com que tenhamos interpretações irreais de imagens. Quando ocorre uma Fata Morgana, vemos no céu o reflexo de algum objeto que está no mar, pode ser uma ilha ou um barco. Assim surgiram teorias de barcos fantasmas voadores como o Flying Dutchman, que entrou para o folclore e se tornou elemento das continuações do filme Piratas do Caribe.



Abaixo uma série de miragens e fatas morganas para que você veja que isso é mais comum do que se imagina, e lembre-se: antes de correr na direção do Oásis, tente ver se não é uma miragem. Se é que isso é possível.









11 comentários:

Mørgana disse...

Olha só, vc esta contando a minha historia hoje???
Para uma Wicca vc não é bruxa ate começar a ter as "visões" sabia? Sinceramente ainda não tive coragem de tentar hehehe...vai q vejo alguma coisa.

Bjão!

fabio disse...

Nossa, onde vc encontra essas imagens? muito legal heim. Morgana, que negócio é esse de ter visão? Me ensina ai vai hehe

João Paulo Fernandes disse...

Tava passando aqui por curiosidade. Pra saber o que seria essa tal de Fata Morgana. muito bom os exemplos.Vivendo e aprendendo. Boa sorte.
PS: se quiser da uma olhada no meu Blog, e lógico, deixa algum comentário. Valeu!
WWW.SEGREDOSDEVENTILADOR.BLOGSPOT.COM

João Paulo Fernandes disse...

Tava passando aqui por curiosidade. Pra saber o que seria essa tal de Fata Morgana. muito bom os exemplos.Vivendo e aprendendo. Boa sorte.
PS: se quiser da uma olhada no meu Blog, e lógico, deixa algum comentário. Valeu!
WWW.SEGREDOSDEVENTILADOR.BLOGSPOT.COM

Mørgana disse...

É Fabio, toda bruxa tem visões, se não as tiver não é bruxa...dizem que vc tem que ir exercitando... quer ler Brida? Eu te empresto hehe...

Julia disse...

Muito legal essa explicação e as imagens, valeu!!!!

Susete Evaristo disse...

Olá sou de Portugal. Estou lendo um livro que fala da "fata morgana" que se vê no polo sul quiz saber mais e vim dar ao seu blogue está impecável. A visão de estrada molhada quando se está no maior dos calores eu já tenho visto aqui no alentejo ocorre muitas vezes eu só não sabia que tinha essa designação. Vou voltar mais vezes. Um abraço deste lado do mar.
http://serpa-eriovasti.blogspot.com

Alexandra Cristina disse...

Interessante sobre a fada Morgana, vai ver que é por isso que a música árqabe se chama Fata Morgana, é por causa dessa fada que ficou conehecida no mundo inteiro.

gleyseh disse...

Adorei tudo, super explicadinho, didático sem ser chato, aprendi muito! Obrigada...

Anônimo disse...

Puxa vida...!!!foi realmente um prazer ler essas informações sobre Fata Morgana. Qdo tiver dúvidas vou te escrever!rsrsrs...Abços de Curtiba! M.

Kamila Aben Athar disse...

Fada Morgana me lembra a Tia Morgana do Castelo Rá-Tim-Bum!!! Hahahaha