quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

Doenças Peculiares

Hipocondríacos, afastem-se! Não ousem sequer terminar de ler esta primeira linha!

Sim! O texto que aparece a seguir é uma compilação de doenças que, no passado, chegaram a serem consideradas reais apesar de estranhas. Com o tempo pode-se então decobrir que algumas doenças são apenas parte dos sintomas de outras doenças, efeitos de novas tecnologias na vida do homem e resultados do poder que o lado psicológico tem sobre o corpo humano.

Algumas doenças existem no PubMed (um serviço de consultas da Biblioteca Nacional de Medicina dos Estados Unidos) outras, no entanto, têm fortes chances de serem falsas. O que não deixa de ser um fato curioso.

Segue a lista:

Síndrome do Controlador Aéreo: presença de úlceras estomacais nos controladores aéreos, como resultado do stress no trabalho. (Illinois Medical Journal, 1972)

Alopecia Walkmania: perda de cabelos pelo uso prolongado de fones de ouvido. (Journal of the American Medical Association, 1984)

Âncora Vidrado: apresentador de telejornal com os olhos vidrados causados pela leitura do teletipo para as câmeras sob luzes fortes e brilhantes. (Syracuse, New York, TV Station, 1960)

Humor Ártico: extrema irritabilidade nos exploradores do ártico devido a exposição a escuridão, monotonia, isolamento e privação de sentidos. (Lancet, 1910)

Dedos Cervejeiros: inchaço, coloração arroxeada e a perda do dedo causada por colocar o anel da lata de cerveja no dedo. (JAMA, 68)

Cérebro Bingo: dor de cabeça associada a intoxicação por monóxido de carbono que ocorre depois de passar várias horas em salas cheias de fumaça de cigarro dos bingos. (Canadian Medical Association, 1982)

Tique dos Observadores de Pássaros: a excitação nervosa ao contemplar uma espécie pela primeira vez. (Nex Scientist, 1982)

Psicose dos Fisioculturistas: surtos psicóticos associados ao uso de esteróides anabolizantes causando alucinações, ilusões paranóicas, mania de grandeza e sintomas maníacos-depressivos. (Lancet, 1987)

Pés de Cassino: dor nos pés causado por ficar em pé em frente das máquinas papa-fichas durante longos períodos de tempo. (Wilmington Morning Star, 1981)

Dedos de "torcedor de pescoço de frango": deslocação parcial e artrosi da articulação do dedo médio pelo uso contínuo deste para deslocar o pescoço dos frangos durante o abate. (BMA Journal, 1955)

Depressão de Natal: stress psicológico durante as férias de fim de ano, relacionado com o uso de alcool e das pressões sociais. (JAMA, 1982)

Cartão-de-creditite: dor no traseiro e músculos devido a pressão dos nervos por uma carteira recheada de cartões de crédito. (New England Medical Journal, 1966)

Dedo Disco: dedos irritados por estalar os dedos enquanto se dança. (New England Medical Journal)

Cotovelo de Passeador de Cães: dor causada pela tensão constante e puxões que volta e meia o cão dá na correia que o prende. (New England Medical Journal, 1979)

Epilepsia do Game SpaceWar!: epilepsia causada pelas luzes piscantes dos vídeo-games. (BMA Journal, 1982)

Fenômeno Pokemon: ataques epiléticos (causados em um episódio específico) em crianças com disposição prévia somada a histeria dos meios de comunicação a respeito desses ataques.(South Med J. 2001 )

Munheca Espressa: dor que os encarregados das máquinas de café espresso sofriam nas munhecas devidos aos fortes movimentos necessários para fazer o café. (JAMA, 1956)

Dermatite de Chinelo: doença da pele dos pés por usando chinelo de borracha. (BMA Journal 1965)

Dedos de frisbee: corte nos dedos devido a um intenso lançamento de frisbee. (New England Medical Journal, 1975)

Braço de Golf: dor no ombro e cotovelo depois de muitas partidas de golg. (BMA Journal, 1896)

Cotovelo de Pescador: inchaço doloroso do ombro devido a repetidas içadas da vara de pescar. (New England Medical Journal, 1981)

Dona-de-casite: sintomas nervosos devido a dedicação extrema à casa e à família. (Centrescope, 1976)

Nódulo dos Carregadores: inchaço dos carregados de um hotel devido ao transporte de malas pesadas. (Diseases of Occupations, 1975)

Congelamento por Picolé: congelamento dos lábios por ficar muito tempo em contato com um picolé. (New England Medical Journal, 1982)

Bunda de Jazz: acessos dolorosos em bailarinos que frequentemente dão giros apoiados em seus traseiros. (Daily Telegraph, 1987)

Foliculite de Jeans: irritação dos folículos pilosos da cintura causada por calças muito justas.(New England Medical Journal, 1981)

Dedos de manche: dor nos dedos devido ao uso prolongado de manches de videogames. (Jama, 1987)

Câimbras dos Afiadores: inchaço doloroso da mão causado por afiar muitas facas. (Diseases of Occupations, 1975)

Língua de selo: úlceras na boca devido a sensibilidade ao selo. (Dangerous Trades, 1902)

Câimbras dos Contadores de Dinheiro: ataques dolorosos dos músculos ao contar muito dinheiro. (English University Press, 1975)

Depressão de Autoestrada: dores de cabeça em motoristas que pegam congestionamento. (BMA Journal, 1963)

Joelhos de Beata: inchaço do joelho ao ajoelhar-se frequentemente para rezar. (Disease of Occupations, 1975)

Queratite do Abridor de Ostras: irritação ocular pelo contato com fragmentos da concha das ostras. (BMA Journal, 1896)

Síndrome dos Shorts Elásticos: formigamentos e inchações dos pé ao usar shorts elásticos muitos justas. (BMA Journal, 1972)

Fígado de Jogador: o perigo de passar mais tempo no bar do que jogando algum jogo. (Encyclopedia of Sports, 1971)

Perna Saque Rápido: ferida de bala na perna ao praticar o saque rápido de uma arma. (JAMA, 1966)

Síndrome do Reflexo da Busina: tendência dos motoristas que esperam em engarrafamentos e começam a businar muito. (New England Medical Journal, 1976)

Síndrome do Marido Aposentado: tensão, dor de cabeça, depressão e ansiedade na mulher de um marido que acaba de se aposentar. (Wester Journal of Medicine, 1984)

Nádegas de Costureira: endurecimento da pele devido a um trauma contínuo ao utilizar a máquina de costurar sentado no chão. (American Family Physician, 1979)

Síndrome de Papai Noel: dor lombar ao carregar crianças pesadas e pacotes. Uma doença que se adquire pelo contato com muitas crianças. (JAMA, 1986)

Pernas de Televisão: perda da flexibilidade normal das pernas por ficar sentando no sofá em frente à TV por muito tempo. (JAMA, 1958)

Dermatite do Vaso Sanitário: irritação cutânea do traseiro ao passar muito tempo no vaso sanitário. (Archive of Dermatology, 1933)

Coceira de Uniforme: irritação cutânea do pescoço, peito e braços ao usar novos uniformes. (BMJ, 1973)

Dermatite de Volkswagen: reação alérgica cutânea causada pelos parachoques de borracha. (Archive of Dermatology, 1971)

Síndrome da Mulher Trabalhadora: fadiga, irritabilidade, dor de cabeça e diminuição da libido pelos stress de fazer dois trabalhos. (Lancet, 1966)

Pé de Yoga: paralisia do pé devido a compressão ao praticar posições de Yoga. (Jama, 1971)

Foliculite de Jacuzzi: infecção dos folículos epiteliais devido a hidratação prolongada e a oclusão da pele (trajes de banho) dias após usar uma jacuzzi contaminada. (Atlas Levene de Dermatología)

Herpes de Gladiador: transmissão de herpes em desportos de luta e contato físico frequente com ferimentos como: boxe, rugbi, etc. (Clin Sports Med. 2004)

8 comentários:

MicheLLe disse...

Nem House faria melhor!!! rs... bjo

Ando disse...

House? Eu sou melhor!! Eu sou Home. Sherlock Home!
Essa foi péssima.

Aguarde o próximo poste!! Brigadu, Mi!! Bejão!!

César disse...

Há quanto tempo que não visito o blog, hein? Mas como sempre, aqui tá cheio das curiosidades e gostei! do post! hehehehe...
Aliás, devo tá com dedos de manche! hahahaha...
Um abraço e um Feliz Ano Novo!

César disse...

Ah! E agora eu acabei de ler o post da cidadezinha com um nome grande! hahahaha... na verdade eu já tinha visto esse pequenino nome no mapa mas nunca ousei pronunciá-lo! hahahaha

fabio disse...

Eu tenho uma doença, mas não esta na sua lista, chama preguicite aguda, e ela ataca principalmente qdo acaba um feriado igual esse que acabamos de ter kkkkk

MIGUEL RIS BARROSO disse...

http://www.miguelgirassol.dubaimlm.com

leo.age disse...

A maioria dela recebe o codigo de DORT ou LER nos atestados!!

Mariana Araújo disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
reiosse!!!!
o hipocondríaco se faz aqui!!!
e haja doença nova prele aprender a dizer que tem!
kkkkkkkkkkkkk
adorei seu blog cara